A CIDADE COMO UM SISTEMA HETEROTRÓFICO: breves consideraçõessobre a construção de um direito ecológico

Cássio Alberto Arend

Resumo


O presente estudo tem a precípua finalidade de propor uma discussãoacerca da questão ambiental urbana a partir de uma análise que considere aintegração e inter-relação das diversas áreas do conhecimento. A proposição deuma compreensão ecológica da cidade como um sistema heterotrófico e averificação dos impactos ambientais urbanos negativos. Nesse sentido, infere-semedidas ineficazes de preservação e proteção do meio ambiente, inexistência de umprojeto mais adequado de educação ecológica, políticas públicas ambientaisinócuas, legislação permissiva, ações dos empreendedores para consecução dosseus empreendimentos e a uma inexistente consciência ecológica da sociedade.Ainda, refletir a partir de uma compreensão ecológica da cidade e não apenasurbanística. Utilizando como parâmetro uma observação sistêmico-complexa,considerando a existência de uma concepção pluricentrista, abandonando aconflituosa e simplista distinção antropocêntrica e biocêntrica. O método utilizadopara a construção do trabalho é o sistêmico-complexo. Ao final, propõe apossibilidade de concretização do princípio democrático condicionado a umamudança de percepção da sociedade e o atingimento da cidadania ambiental.Palavras-chave : Consciência ecológica. Heterotrofia urbana. Impactos ambientais.Sustentabilidade.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.