A CORRUPÇÃO ENQUANTO FATOR PREJUDICIAL À CONFIANÇA NAS INSTITUIÇÕES E DEMOCRACIA

Caroline Fockink Ritt, Chaiene Meira de Oliveira

Resumo


O presente artigo visa realizar um estudo acerca da corrupção enquanto fator prejudicial a confiança nas instituições públicas e consequentemente na concretização do Estado Democrático de Direito, no momento em que esta impede quea democracia ocorra de maneira plena. Para isso, será utilizado o método descritivo através de pesquisas bibliográficas. Em um primeiro momento pretende-se fazer um estudo da corrupção enquanto fenômeno social, e um breve dela histórico no Brasil, abordando a ocorrência dopatrimonialismo em nosso país, como uma das causas da corrupção.  Com isso, demonstrar que a corrupção afeta diretamente a confiança nas instituições, trazendo prejuízos a democracia, e consequentemente impede a concretização do Estado Democrático de Direito.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.