APATRIDIA: BREVE ENSAIO SOBRE APÁTRIDAS NAS OBRAS DE HANNAH ARENDT

Daniel Braga Nascimento, Êmily de Amarante Portella

Resumo


O presente artigo possui como objetivo discutir o problema fundamental da apatridia no mundo, com um recorte sobre o desrespeito aos Direitos Humanos. A situação dos apátridas, sui generis, visto que não possuem vínculo com seu Estado de origem, tão pouco com nenhum outro Estado do mundo. Tal artigo busca refletir como a perda da nacionalidade acarreta a perda dos Direitos Humanos, trazendo Hannah Arendt como pano de fundo para o debate sobre a expulsão desses humanos da sua própria humanidade.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.