Adolescência e bloqueio de contato: um estudo de caso

Nicole Signori Conci, Maria Luisa Wunderlich dos Santos de Macedo

Resumo


O estudo ilustra um caso atendido pela abordagem da Gestalt-terapia, no Serviço Integrado de Saúde (SIS). Trata-se de um adolescente, de dezesseis anos que chegou ao serviço encaminhado pela rede de atenção à saúde mental do município de Santa Cruz do Sul-RS, apresentando comportamento ansioso e dificuldades de relacionamento com os pais. O objetivo deste trabalho consiste em realizar uma articulação da teoria gestáltica com a prática clínica realizada no serviço-escola.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Flag Counter