Comentários do leitor

5 maneiras de reduzir o efeito da menopausa nas mulher

por rafael goleiro (2020-08-10)


Fogachos, ondas de calor, redução da desejo, complicações para dormir, mudanças de humor: os efeitos da menopausa já são muito conhecidos, especificamente entre as mulheres. O pesar pode iniciar por volta dos 45 anos, enriquecido de modificações menstruais que indicam o final da ciclo reprodutiva feminina.

O climatério, como é conhecido por o tempo de transferência para a menopausa, não é uma enfermidade, porém um processamento natural do corpo. No entanto, a intensidade dos seus sinais e efeitos pode casar a qualidade de vida e mostrar a urgência de orientação médico.

Uma ótima forma de usufruir essa ciclo da vida desocupado de incômodos e transtornos é adotar uma postura proativa e preservar um estilo de vida sadio. Pretende saber algumas postura de diminuir o resultado da menopausa nas mulheres? Confira nossas dicas:

1. Fazer atividades físicas e treinos

Atividades físicas, como marcha, hidroginástica, natação e pilates, oferecem farto vantagens para a saúde em qualquer época da vida, porém são capazes de ser especificamente recomendados para combater os efeitos da menopausa.

Treinos físicos aumentam o bem-estar, evitam recebido de peso, fortalecem o sistema cardiovascular e melhoram a circulação sanguínea. Além disso, treinos de verificação de pesos auxiliam a preservar os ossos fortes e coarctar o perigo de fraturas — a osteoporose costuma se reclamar nessa ciclo.

2. Ter bons práticas de sono

A queda nos graus de estrogênio, um dos primeiros efeitos da menopausa, pode provocar falta de sono e dificuldade para dormir. A falta de relaxamento apropriado pode ter resultados que vão a partir de a redução da desejo até conflito intelectual e exaustão.

Para combater este dificuldade, é fundamental preservar uma cotidiano ( dormir e despertar nos mesmos horários), desligar os eletrônicos à noite e deixar o quarto aventado e completamente escuro.

3. Preservar uma refeição saudável

A refeição pode ser uma forte aliada da mulher no batalha ao resultado da menopausa. Contrapesar a regime pode ser a símbolo para moderar os sinais e coarctar o pesar do climatério. Confira algumas sugestões:

coarctar a porção de sal (sódio) dos alimentos auxilia a moderar o inchaço;

adicionar 3 colheres de soja cozida no menu diário pode coarctar as ondas de calor;

utilizar alimentos ricos em cálcio ( como laticínios, verdura verde-escuros e sardinha) previne a osteoporose;

reforçar o uso de alimentos ricos em magnésio ( como peixes e oleaginosas) reduz a exaustão e a neurastenia.


4. Realizar reposição hormonal

A terapia de reposição hormonal é uma escolha polêmica, no entanto eficaz, para o tratamento das ondas de calor e diminuição dos efeitos da menopausa. É fundamental aconselhar-se um profissional e avaliar o histórico médico e a intensidade dos sinais antes de começar a reposição com estrogênio ou com uma conciliação de estrogênio e progesterona.

A reposição hormonal não é indicada para mulheres que apresentam elementos de perigo pra câncer de mama ou doenças cardíacas, por exemplo.

5. Estar em dia com os check-ups

O orientação médico é primordial para moderar o resultado da menopausa e garantir que os sinais não estão ocultando doenças ou complicações de saúde disfarçados.

A partir dos 50 anos é sugerido repetir anualmente os exames de controle de glicemia, colesterol, taxas de vitamina D e cálcio, mamografia e exames ginecológicos de cotidiano.

A menopausa pode se demorar até os 65 anos, no momento em que os ciclos menstruais cessam por completo. No entanto, embora das mudanças físicas e psicológicas comuns dessa ciclo, nada impossibilita que a mulher mantenha uma cotidiano ativa e produtiva, investindo em qualidade de vida e saúde.

Pretende se preparar para o climatério ou diminuir os sinais da menopausa? Agende uma consulta com o ginecologista e fique em dia com a sua saúde!

acesse essa matéria para saber mais sobre o assunto.