Níveis de atividade física em dois modelos de aulas de Educação Física

Vanilson Batista Lemes, Adroaldo Gaya, Rodrigo Moreira, Anelise Gaya

Resumo


Objetivo: comparar os níveis de atividade física de escolares, através de dois modelos de aulas de Educação Física no ensino fundamental. Método: o presente estudo se caracteriza como uma pesquisa avaliativa somativa. Os sujeitos da pesquisa foram escolhidos de forma conveniente, totalizando 15 casos, sendo 7 do sexo masculino. Os instrumentos utilizados para a coleta de dados referentes à atividade física foram pedômetros. A Educação Física foi observada em duas aulas e descrita no que se refere às atividades desenvolvidas. Resultados: a aula fundamentada na aprendizagem das habilidades motoras do handebol e do basquete, em conjunto com gestos utilizados no voleibol, comparativamente a aula dois, fundamentada nas atividades de circuito com habilidades motoras dos esportes citados e grande jogo de handebol adaptado, apresentou um número médio de passos inferior (aula 1: 32,72±7,84 vs. aula 2: 58,05±13,34; p<0,001). Na aula dois, observamos que 60% dos estudantes cumpriram com os padrões mínimos de passos estabelecidos por minuto, enquanto na aula 1 nenhum dos casos foi considerado como tal. Considerações Finais: concluímos que escolares que participaram da aula composta por atividades de circuito com habilidades motoras dos esportes e por fim um grande jogo, apresentaram maiores níveis de atividade física, assim como para o cumprimento dos padrões mínimos estabelecidos para os passos por minuto. Mais estudos são necessários, a fim de verificar a efetividade da aula dois na aprendizagem motora/esportiva, nos níveis de aptidão física e na redução do risco cardiometabólico.

Palavras-chave


Habilidades motoras;Saúde;Adolescentes.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/cinergis.v16i4.6612

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo