Bulliyng e o comportamento de jovens de escolas de ensino fundamental

Gehysa Guimarães Alves, Guilherme Anziliero Arossi, Marina Flamia Haas, Ana Maria Pujol Vieira dos Santos, Maximiano Ferreira Tovo

Resumo


BulBullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou um grupo de indivíduos, com o propósito de intimidar ou agredir o outro para satisfação pessoal e demonstração de poder. Objetivo: descrever a frequência de bullying e seus fatores associados. Método: estudo descritivo de série de casos no qual a população estudada foram alunos do sexto ao nono ano do ensino fundamental de cinco escolas gaúchas da Rede ULBRA de ensino fundamental. Para a coleta dos dados, foram utilizados questionários autoaplicáveis, de modo a caracterizar comportamento, idade e série escolar. Além disso, foi aplicado o questionário Kidscape, com perguntas objetivas relacionadas ao bullying e o quanto este interfere em suas vidas. Os dados quantitativos foram analisados com estatística descritiva. Para a análise dos dados qualitativos, foi utilizada a análise de conteúdo temática. Resultados: 34% já haviam sofrido Bullying e 17% afirmaram já ter agredido ou intimidado alguém. Na questão, “se sentem felizes”, 84,9% dos entrevistados referiram que sim. Apenas 13,2% referiu que se sentiam menos ou muito menos que de costume. Para os jovens, a felicidade está relacionada a ter família, amigos, lazer e viver bem a vida. Sobre ter perdido a confiança em si próprio, percentual aproximado de alunos respondeu que sim (9,4%); também referiram que “sentem-se pouco capazes de resolver problemas”. 66% referiram “sentir prazer nas atividades que realizam,” e 24,5% referiram “sentir-se sob pressão em seu dia a dia”. Além disso, 22,6% apontaram que conseguem se “concentrar menos no último ano”, 18,9% perde “sono com preocupações”. Considerações finais: conclui-se que o bullying é um fenômeno complexo, interdisciplinar e está relacionado com a autoconfiança, com as relações familiares e com sentir-se feliz.

Palavras-chave


Bullying; Violência;Saúde Escolar

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/cinergis.v18i1.8160

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo