Novidades (Novelty) na Agricultura Familiar e sua associação com a agroecologia na produção de hortifrutigranjeiros no Território Sertão do Apodi (RN)

Autores

  • Emanoel Márcio Nunes Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)
  • Andreya Raquel Medeiros de França Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)
  • Jéssica Samara Soares de Lima Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)
  • Lilian Silva de Medeiros Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)

DOI:

https://doi.org/10.17058/redes.v23i1.9292

Palavras-chave:

Agroecologia. Manejo Agrícola. Agricultura familiar. Sustentabilidade.

Resumo

O objetivo do artigo é destacar práticas e manejos na produção de hortifrutigranjeiros do território Sertão do Apodi em experiências que associam a agricultura familiar com a agroecologia. E uma das iniciativas é trazer a abordagem das novidades e das inovações como contraponto aos modelos exógenos da agricultura moderna, sendo alternativa para o desenvolvimento rural e regional ancorado na agricultura familiar. Como procedimentos metodológicos, foram aplicados questionários com agricultores familiares que associam a sua produção agroecológica com a venda direta dos seus produtos, objetivando informações sobre a produção agroecológica e segurança alimentar. Diante disso, a pesquisa revelou a necessidade da agricultura familiar se adequar às exigências da legislação para a inserção em mercados, em que as novidades e a inovação na produção agroecológica devem acontecer no sentido de respeitar o ambiente e possibilitar a segurança alimentar e nutricional construindo a relação de confiança entre agricultores e consumidores. Por fim, apesar das limitações, os agricultores familiares têm potencial significativo para o desenvolvimento regional, com a conversão da agricultura moderna e produtivista para sistemas agroecológicos.

Biografia do Autor

Emanoel Márcio Nunes, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)

Economista. Doutor em Desenvolvimento Rural pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PGDR/UFRGS). Professor da graduação de Economia e do Programa de Pós-Graduação em Economia Aplicada (PPE/UERN) da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (FACEM/UERN). Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2 - CA AE - Administração, Contabilidade e Economia.

Andreya Raquel Medeiros de França, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)

Gestora Ambiental pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN. Mestre em Ambiente, Tecnologia e Sociedade pelo Programa de Pós Graduação em Ambiente, Tecnologia e Sociedade da Universidade Federal Rural do Semiárido (PPGATS/UFERSA).

Jéssica Samara Soares de Lima, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)

Graduada em Ciências Econômicas, pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte/UERN. Mestre em Estudos Urbanos e Regionais pelo Programa de Pós Graduação em Estudos Urbanos e Regionais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPEUR/UFRN).

Lilian Silva de Medeiros, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN)

Graduanda em Ciências Econômicas pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN. Bolsista de Iniciação Científica (PIBIC/CNPq)

Downloads

Publicado

2018-01-19

Edição

Seção

Desenvolvimento Rural no contexto do Desenvolvimento Regional: avanços e retrocessos no Brasil recente