Consumo alimentar: um estudo sobre crianças com sobrepeso e obesidade do Espaço Mamãe Criança de Vera Cruz/RS

Carina Garcia, Jênifer Proença de Brum, Daniela Elâine Roehrs Schneider, Janine Koepp, Lia Gonçalves Possuelo

Resumo


A inadequação alimentar pode se caracterizar por excesso de energia e nutrientes, causando distúrbios como a obesidade infantil. Objetivo: analisar a qualidade da alimentação de crianças com sobrepeso e obesidade entre a faixa etária de 1 a 7 anos, de ambos os sexos, participantes do Grupo Qualidade de Vida na Infância. Método: trata-se de um estudo descritivo com abordagem quantitativa, realizado na Unidade Básica de Saúde do município de Vera Cruz/RS, com 15 crianças, que são integrantes do Grupo Qualidade de Vida na Infância que atende crianças com sobrepeso e obesidade. Os dados foram coletados no período de junho a setembro de 2013. Durante o primeiro atendimento nutricional foi feita a entrevista com os pais ou responsáveis pelas crianças, utilizando o Formulário de Marcadores do Consumo Alimentar do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional, para a investigação dos hábitos alimentares. Resultados: verificou-se que há um bom consumo de frutas, feijão, leite/derivados e carne, entretanto a ingestão de verduras/legumes diminuiu com o aumento da idade. Além disso, percebeu-se que 80% das crianças com dois anos ou mais realizaram as refeições assistindo à televisão. A maioria consome alimentos não saudáveis, como: salgadinho de pacote, bolacha recheada, refrigerante, doces e embutidos. Considerações finais: conclui-se que as crianças apresentam uma boa prevalência de consumo de frutas, leite, carne e feijão, mas o mesmo não acontece com as verduras cruas e cozidas, uma vez que os pais referiram não ser um alimento bem aceito, inclusive algumas crianças tem aversão às hortaliças.

Palavras-chave


Hábitos Alimentares; Transição Nutricional; Políticas Públicas;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/cinergis.v15i4.4988

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo