Uma abordagem sobre a determinação de atividade antioxidante e fenóis totais por FT-IR e quimiometria em alimentos

Priscilla de Bastos Souza, Pedro Henrique Matos Pereira, Ana Lúcia Becker Rohlfes, Nádia de Monte Baccar, Liliane Marquardt, Valeriano Antonio Corbellini

Resumo


Os componentes bioativos presentes nos alimentos são conhecidos por suas propriedades nutracêuticas sendo necessário desenvolver metodologias analíticas capazes de determinar e quantificar tais compostos. No entanto, os métodos disponíveis para tais análises que são essencialmente baseados em reações colorimétricas, demandam tempo e implicam em considerável geração de custos, decorrente do alto valor dos reagentes, e de resíduos. Com isso, as técnicas moleculares como a Espectroscopia de Absorção Molecular no Infravermelho com transformada de Fourier (FT-IR) aliada à quimiometria surgem como técnicas complementares para a análise de dados multivariados provenientes das amostras por meio de modelos de predição. Esta revisão aborda uma atualização referente ao período de 2013 a 2018 no uso de modelos quimiométricos como complemento à análise de atividade antioxidante e conteúdo fenólico total em alimentos sólidos. Em razão de a técnica ser propícia para atender aos requisitos de consciência ambiental e economia de custos sem prejuízo nos resultados de pesquisa, verifica-se a importância do desenvolvimento de métodos à base de FT-IR associados a recursos quimiométricos para análise de componentes alimentares.

Palavras-chave


Alimentos. Nutracêuticos. FT-IR. Quimiometria.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rjp.v8i1.11848



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo


PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


Av. Independência, 2293
CEP 96815-900 - Santa Cruz do Sul - RS
Bloco 25 - Sala 2501
Fone: +55-51-3717-7341