ENVELHECIMENTO POPULACIONAL NO VALE DO RIO PARDO: ESTUDO SOBRE EDUCAÇÃO E GÊNERO.

Deise Gabriela Frantz, Alice Raquel Piovesan, Sílvia Virginia Coutinho Areosa

Resumo


Este artigo versa sobre a educação e o gênero dos idosos residentes no Vale do Rio Pardo/RS, apresentando resultados obtidos a partir da sistematização e dados secundários do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os censos demográficos dos anos 2000 e 2010. Neste estudo analisa-se o acesso dos idosos à educação em relação ao gênero. Percebeu-se uma diferença significativa com o passar dos anos, de modo que no censo de 2010 as mulheres se encontram em maior número em todos os níveis escolares, diferente do censo de 2000, onde a população feminina era marcada pelo pouco acesso à escolarização, uma vez que sua função social era pré-determinada como mãe, esposa e dona de casa. Este fenômeno atrelado ao modelo patriarcal vem mudando nas ultimas décadas, com a igualdade de gênero, e pode ser observado nos índices escolares do censo 2010.

Palavras-chave


Educação; Gênero; Idosos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rjp.v4i3.4445



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo


PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


Av. Independência, 2293
CEP 96815-900 - Santa Cruz do Sul - RS
Bloco 25 - Sala 2501
Fone: +55-51-3717-7341