O USO DO GEOPROCESSAMENTO NA ANÁLISE ESPACIAL DOS CONDOMÍNIOS E LOTEAMENTOS FECHADOS EM SANTA CRUZ DO SUL- RS

Jonis Bozzetti, Rogério Leandro Lima da Silveira

Resumo


A cidade de Santa Cruz do Sul, localizada na região do Vale do Rio Pardo – RS, constitui-se no principal polo agroindustrial de tabaco do mundo e também em importante centro regional de comércio e serviços. Nos últimos trinta anos, a cidade passou por intensas e desiguais transformações em seus processos de evolução urbana e de urbanização. Um desses processos tem sido a intensa produção de novos produtos imobiliários: loteamentos e condomínios fechados. Com o auxílio de técnicas de geoprocessamento, foi possível melhor analisar esses empreendimentos, identificando a segregação espacial, os impactos ambientais e a injustiça fiscal que esses produtos tem representado na dinâmica de organização e de uso do espaço urbano na cidade.

Palavras-chave


Geoprocessamento. Loteamentos e Condomínios Fechados. Evolução Urbana. Segregação Espacial. Injustiça Fiscal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rjp.v4i1.4455



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo


PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


Av. Independência, 2293
CEP 96815-900 - Santa Cruz do Sul - RS
Bloco 25 - Sala 2501
Fone: +55-51-3717-7341