AVALIAÇÃO DOS NÍVEIS SÉRICOS DE VANCOMICINA EM PACIENTES INTERNADOS EM UM HOSPITAL DE ENSINO DA REGIÃO CENTRAL DO RIO GRANDE DO SUL

Monica Basso Zanotto, Patrícia Raquel Wappler, Pedro Alves d'Azevedo, Marcelo Carneiro, Janine de Melo Rauber, Andreia Rosane de Moura Valim

Resumo


A vancomicina é um antibiótico glicopeptídeo efetivo em infecções graves por bactérias gram-positivas. Necessita atingir um nível sérico adequado para alcançar efetividade terapêutica e requer monitorização constante durante seu uso uma vez que pode causar toxicidade. O objetivo deste trabalho foi verificar qual o nível sérico de vancomicina nos pacientes internados em um hospital de ensino da região central do Rio Grande do Sul. Este estudo foi realizado com 69 pacientes, sendo 22 recém-nascidos, no período de julho de 2012 a dezembro 2013. As dosagens séricas de vancomicina foram realizadas após 72 horas do início do tratamento com o antimicrobiano, 30 minutos antes de sua administração através de imunoensaio de micropartículas por quimioluminescência. Foram realizadas e analisadas 117 dosagens séricas de vancomicina, sendo que apenas 19,4% das dosagens permaneceram na faixa ideal (10-20 µg/mL), enquanto que 38,1% permaneceram abaixo e 42,5% acima da faixa adequada. Com base nestes resultados, concluímos que é importante mensurar os níveis séricos deste antimicrobiano, a fim de evitar a toxicidade e alcançar níveis adequados para o sucesso terapêutico.

Palavras-chave


vancomicina; monitoramento de medicamentos; bactérias gram-positivas; infecção hospitalar

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rjp.v4i3.4589



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo


PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


Av. Independência, 2293
CEP 96815-900 - Santa Cruz do Sul - RS
Bloco 25 - Sala 2501
Fone: +55-51-3717-7341