Produção de biodiesel por transesterificação enzimática in situ em solvente orgânico a partir da biomassa de Desmodesmus sp.

Danielle Kochenborger John, Martiele Bizarro da Silva, Michele Hoeltz, Adilson Ben da Costa, Rosana de Cassia de Souza Schneider

Resumo


Um dos materiais alternativos mais investigados atualmente para a produção de biodiesel são as microalgas. O presente trabalho teve como objetivo a avaliação do método de transesterificação enzimática in situ da microalga Desmodesmus sp. em solvente orgânico, acompanhando a reação através do monitoramento on-line com sonda de infravermelho e cromatografia gasosa. Dois ensaios foram realizados em condições distintas para efeito comparativo. Baseado nos resultados obtidos por espectroscopia e cromatografia, bem como nas propriedades calculadas a partir do perfil cromatográfico, pode-se concluir que é possível a produção de biodiesel in situ a partir de biomassa de microalgas, reduzindo a etapa de extração de óleo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rjp.v7i2.9398



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo


PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO


Av. Independência, 2293
CEP 96815-900 - Santa Cruz do Sul - RS
Bloco 25 - Sala 2501
Fone: +55-51-3717-7341