Avaliação da qualidade da água de poços rasos no município de Colinas – RS

Autores

  • Caroline Saling Univates
  • Amanda Gräff Univates
  • Eniz Conceição Oliveira Univates
  • Wolmir José Böckel Univates

DOI:

https://doi.org/10.17058/tecnolog.v21i2.7901

Palavras-chave:

Água, Poço raso, Qualidade Físico-química, Análise Microbiológica,

Resumo

A água é de fundamental importância para a biodiversidade, sendo considerada um recurso natural indispensável ao homem. Nos últimos tempos, a sociedade polui e degrada este recurso de tal forma que já não se pode consumi-lo em seu estado natural. Porém, com a ascensão da tecnologia, é possível o monitoramento, tratamento e preservação de recursos hídricos. Neste estudo foram realizadas análises físico-químicas e microbiológicas de amostras de água de doze poços rasos no município de Colinas – RS. Foram realizadas análises de pH, condutividade, turbidez, cor, cloreto, fluoreto, bromato, brometo, nitrato, nitrito, sulfato, número mais provável de coliformes totais e número mais provável de Escherichia coli. Os resultados foram comparados com os padrões de potabilidade preestabelecidos pela Portaria Nº 2914/2011 do Ministério da Saúde. Verificou-se que todas as amostras apresentaram contaminação microbiológica e que, para os parâmetros físico-químicos analisados, somente cinco de um total de doze amostras estão em conformidade com a legislação brasileira. A situação torna-se potencialmente grave quando esta água contaminada é destinada a consumo humano.

Biografia do Autor

Eniz Conceição Oliveira, Univates

Possui graduação em Química - Licenciatura pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1987), mestrado em Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999) e doutorado em Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004). É professora titular do Centro Universitário Univates. Tem experiência na área de Química, com ênfase em Química Analítica e Ensino de Química, atuando principalmente nas seguintes linhas de pesquisa: Tecnologia e Ambiente; Espaço e Problemas Socioambientais; Ciência, Sociedade e Ensino; Recursos, Tecnologias e Ferramentas no Ensino; Tecnologias, metodologias e recursos didáticos para o ensino de Ciências e Matemática. Atualmente realiza pós-doutoramento no Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Aveiro.

Wolmir José Böckel, Univates

Possui graduação em Química Industrial pela Universidade de Santa Cruz do Sul (1998), formação pedagógica em Química Licenciatura Plena pela Universidade de Santa Cruz do Sul (2000), Mestrado em Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003) e Doutorado em Química pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2009) com ênfase em Química Analítica e Instrumentação Analítica. Tem experiência na área de Química, com ênfase em Eletroanalítica, atuante principalmente nos seguintes temas: óleo essencial, hidrodestilação, detector oscilométrico, instrumentação em eletroforese capilar, eletroanalítica em biodiesel, modelagem matemática, alimentos orgânicos. Atuou em projeto de pesquisa com auxílio financeiro CNPq de 2003 até 2007 com o tema Determinação de Triacilglicerídeos em Microemulsões de Óleo de Soja por Cromatografia Eletrocinética com Detecção Oscilométrica e projeto de pesquisa com auxílio FINEP de 2006 à 2010 com o tema Implantação da Rede de Estudos e Projetos sobre Armazenamento de Biodiesel no Âmbito da Rede Brasileira de Tecnologia de Biodiesel, ambos na Instituição UFRGS. Atualmente exerce a função de Professor Adjunto, desde 2012 e Docente Permanente do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas, desde 2013, no Centro Universitário UNIVATES atuando em cursos de graduação, pós-graduação, é coordenador de projeto de extensão Feira de Ciências com fomento CNPq e projetos de pesquisa nas áreas do Ensino e da Química Analítica. Atua em projeto interdisciplinar de alimentos orgânicos com auxílio financeiro CNPq, é coordenador de projeto P&D em produtos alimentícios orgânicos no TECNOVATES do Centro Universitário UNIVATES.

Downloads

Publicado

2017-07-04

Edição

Seção

Tecnologia Ambiental