SALA DE ESPERA AO ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO EM TEMPOS DE COVID -19: INFORMAÇÃO E CONSCIENTIZAÇÃO

Darion Ferreira, Bruno Pereira Lançanova, Camila Muller, Pedro Henrique Ferreira de Menezes, Evandro de Oliveira Júnior, Jennifer Eduarda dos Santos da Silva, Luiza Nardini Buffet, Márcia Helena Wagner, Magda de Sousa Reis, Lucas Vinicius Fischer

Resumo


Introdução: A sala de espera para o atendimento odontológico nas clínicas das universidades requer um acolhimento humanizado, seguro, informativo e com um ambiente de espera agradável. Este espaço pode e deve ser utilizado para sensibilizar e conscientizar os pacientes acerca de suas necessidades, tornando-os motivados e corresponsáveis para manter a sua saúde e aderir aos tratamentos propostos. Diante da pandemia do Covid19 muitas alterações foram necessárias para a retomada das atividades práticas nas Clínicas de Odontologia. Muitas capacitações envolveram toda a comunidade acadêmica do curso, desde estudantes, professores e funcionários. Também para os pacientes, usuários das clínicas, foi preciso oferecer orientações e esclarecimentos sobre os protocolos sanitários. Objetivo: Apresentar as atividades de orientações dos usuários da clínica de odontologia da Universidade de Santa Cruz do Sul, para o autocuidado e a manutenção da saúde, reforçando a importância do comparecimento às consultas odontológicas e os protocolos de biossegurança neste momento de pandemia. Metodologia: A sala de espera das clínicas de ensino do curso de Odontologia da UNISC foi utilizada para o desenvolvimento de um acolhimento humanizado e informativo destinado aos pacientes e acompanhantes que circulam e/ou aguardam naquele local para agendamento ou atendimento odontológico. Foram elaborados materiais educativos para apresentação na tela da televisão, voltados para a saúde bucal, o funcionamento e a importância do comparecer em todas as consultas e sobre todos os protocolos de biossegurança em relação do COVID-19. Resultados: As apresentações, preparadas com temas diferenciados, procurou abranger as crianças atendidas na odontopediatria, bem como pacientes adolescentes, jovens e adultos que frequentam as diversas disciplinas e estágios onde os estudantes do curso de Odontologia desenvolvem suas atividades práticas. A escolha dos temas abordados levou em consideração a prevenção da doença cárie, o que fazer diante de urgências e dor envolvendo a cavidade oral, os cuidados e a importância das restaurações, tratamentos endodônticos, próteses dentárias e a importância da oclusão. As atividades também reforçaram a necessidade da utilização de equipamentos de proteção individual (EPI), higienização das mãos e demais cuidados frente a pandemia do coronavírus. Conclusão: A promoção da saúde pode ocorrer em diferentes locais e formas o ambiente da sala de espera mostrou-se um espaço importante para diversas informações aos pacientes, relacionadas à prevenção e promoção da saúde, estimulando-os para o autocuidado e a busca de mais conhecimento. Além disso, propiciou um ambiente mais seguro, ao cumprir com todos os protocolos sanitários no enfrentamento da pandemia.





ISSN 2764-2135