A ARTE NOS MUROS DA ESCOLA

Ivan Jeferson Kappaun

Resumo


Considerando que a arte é uma forma de manifestação estética e de diálogo consigo mesmo - subjetivo -, propor a criação de projetos de pinturas murais na escola foi resultante de muitas discussões e de aspirações com e dos alunos. A manifestação artística - seja por meio da linguagem gráfica, pictórica, musical, teatral, qual for - geralmente está envolta numa certa aura de misticismo. Nesse contexto, muitos alunos são levados a desconsiderarem e, por vezes, desprezarem suas próprias produções. A partir de tal constatação, criou-se a necessidade de elaborar um trabalho de desconstrução de tais verdades. Assim, por meio democrático de escolha de temáticas, turmas de 2º ao 9º Anos do Ensino Fundamental de uma escola municipal de Santa Cruz do Sul foram convidadas a selecionar temas de acordo com as preferências de cada grupo. Uma vez eleita a temática, partiu-se para a elaboração de desenhos. Tal produção sempre foi encorajada pelo professor, de modo a compreender que cada produção sempre é única por ser impossível de reproduzi-la e de que cada um fez por si mesmo. Durante esta etapa, também foi proposto o objetivo de se criar um projeto que fosse uma construção de cada turma e não de um indivíduo específico. Depois, passou-se para a etapa de seleção de elementos dos desenhos produzidos. Para tal, os alunos foram estimulados a indicar o(s) elemento(s) que despertavam interesse em cada uma das produções. Por fim, em posse dos elementos eleitos pela turma, foi construído o projeto final destinado à pintura mural, contendo um elemento gráfico de cada aluno. Antes de iniciar o trabalho de pintura, foi desenvolvido um trabalho teórico de contextualização e definição da pintura mural, bem como orientações técnicas para que todos participassem da prática de desenhar e pintar nos muros. A proposta gerou resultados significativos, uma vez que envolveu praticamante todos os alunos da escola. Sobretudo, pode-se destacar uma mudança na percepção dos alunos em relação ao próprio trabalho, uma vez que muitos sentiram-se encorajados em produzir seus próprios desenhos, bem como explorar seu próprio grafismo. Em decorrência deste trabalho, ainda foi proposto a construção de esculturas com materiais recicláveis relacionadas ao tema e o projeto de pintura mural foi incorporado à dinâmica escolar, de modo que a escola receba anualmente novas formas e cores.


Texto completo: Resumo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.