O USO DE HORTAS NA DISCIPLINA DE OLERICULTURA

Juliano da Silva

Resumo


Vitor Hugo Borba Manske

 

A olericultura é o ramo da horticultura que abrange a exploração de um grande número de espécie de plantas, comumente conhecidas como hortaliças e que engloba culturas folhosas, raízes, bulbos, tubérculos e frutos diversos. O estudo de olericultura é de grande importância para os alunos, pois em sua maioria os mesmos participam do cultivo de pequenas hortas, o que as tornam uma extensão do estudo de sala de aula, desta forma tornando a aprendizagem mais significativa, logo mais prazerosa, uma vez que teoria e prática caminham juntas. Nesta perspectiva temos como objetivo propiciar ao aluno atividades práticas, através da construção de hortas, com o intuito de que o mesmo torne a aprendizagem mais significativa. Desta forma as aulas acontecem em dois períodos de aula por semana, sendo que estas são intercaladas entre teóricas e práticas. As teóricas ocorrem em sala de aula, sejam através de aulas expositivas, pesquisas, trabalhos em grupos, entre outras. Nas práticas os alunos são convidados a participarem das aulas, que acontecem no Setor de Agricultura. Neste espaço, os alunos exercitam, desde o preparo do solo, até colheita. Cabe ressaltar que os alunos possuem a liberdade de escolher a espécie a ser cultivada. No final de cada trimestre os alunos realizam um relato de suas atividades, onde ocorre também um a autoavaliação, bem como troca de experiências. Neste sentido, percebemos que, as atividades práticas possibilitam que o aluno desenvolva de forma contextualizada, logo significativa, o pensamento e raciocínio lógico, além de uma análise reflexiva, crítica, questionadora e investigativa, bem como o desenvolvimento da autonomia de pensamento e ação, sendo estes fundamentais, no contexto do Ensino Médio Profissionalizante. Logo a partir da análise realizada, é possível perceber o aumento do índice do aproveitamento escolar, além destes resultados percebemos o entusiasmo e dedicação dos alunos, que se engajam de forma efetiva e participativa deste processo, bem como darem continuidade destas práticas, durante o restante do curso. Cabe ressaltar que acreditamos ser de fundamental importância, o fato de que os alunos procuram executar atividades na horta, fora do horário destinados as aulas, o que para nós significa o encantamento pelas atividades.


Texto completo: Resumo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.