O trabalho do assistente social e as estratégias de intervenção nos serviços de saúde de média complexidade em Timon (MA)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17058/barbaroi.v0i0.14833

Palavras-chave:

Trabalho, Questão Social, Atenção Secundária

Resumo

O presente artigo apresenta uma análise sobre o trabalho do assistente social e as estratégias de intervenção implementadas no cotidiano dos serviços de saúde de Média Complexidade no município de Timon, Estado do Maranhão, assim como busca compreender a questão social e a vulnerabilidade social no trabalho do assistente social no referido município. O estudo é um recorte da dissertação de Mestrado defendida no Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas da Universidade Federal do Piauí-UFPI. No percurso metodológico foi utilizada a pesquisa qualitativa, com análise de literatura, pesquisa documental e de campo, através de uso de grupos focais, tendo como participantes cinco assistentes sociais que atuam em cinco instituições públicas de saúde de Média Complexidade do município no SUS. No estudo, as assistentes sociais marcaram em suas narrativas que, diariamente, são chamadas a intervir num espaço, marcado por múltiplas formas de saberes, contudo, são profundamente tensionadas pela ampliação da demanda de atenção especializada em saúde, cuja oferta está subdimensionada em relação à disponibilidade de vagas de consultas, exames especializados e de leitos hospitalares. O estudo revelou que o trabalho da assistente social nesse nível de complexidade, está marcado pela dinâmica de tentar produzir acessos e fluxos mais resolutivos no atendimento da população usuária nas instituições de saúde e na Rede, buscando imprimir dinamicidade aos processos de fruição do direito à atenção à saúde na esfera do SUS.

Biografia do Autor

Violêta Maria da Silva Nolêto, Universidade Federal do Piauí

Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas -PPGPP, Mestrado em Políticas Públicas - MPP

Edna Maria Goulart Joazeiro, Universidade Federal do Piauí

Docente do Departamento de Serviço Social e do Programas de Pós-Graduação em Políticas Públicas da Universidade Federal do Piauí (UFPI)

Downloads

Publicado

2020-01-06

Edição

Seção

Artigos