FUTEBOL AMERICANO NO PAÍS DO FUTEBOL: O CASO DO CUIABÁ ARSENAL

Autores

  • Francisco Xavier Freire Rodrigues Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Programa de Pós-Graduação em Estudos de Cultura Contemporânea - UFMT Departamento de Sociologia e Ciência Política
  • Neuza Cristina Gomes Costa Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Instituto de Saúde Coletiva - UFMT
  • Lenara da Costa Pedroso Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Faculdade de Enfermagem - UFMT
  • Joycy Ambrósio da Silva Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Instituto de Linguagens - IL/UFMT

DOI:

https://doi.org/10.17058/barbaroi.v2i41.4784

Palavras-chave:

futebol americano, esportivização, esporte.

Resumo

O estudo aborda o processo de esportivização do futebol americano em Mato Grosso a partir da trajetória do Cuiabá Arsenal. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, exploratória, com delineamento de estudo de caso. Dentre os resultados, verifica-se que a esportivização do Futebol Americano em Cuiabá deu-se por fases: amadorismo, transição, profissional. A equipe inspirou a criação de outras agremiações. Mesmo em época preparativa para Copa do Mundo, com intensa publicidade pelo governo do estado para divulgar o futebol “brasileiro”, o futebol “americano” é assunto da agenda esportiva midiática e cotidiana. Fato que demonstra como é possível ser esportivo.

Biografia do Autor

Francisco Xavier Freire Rodrigues, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Programa de Pós-Graduação em Estudos de Cultura Contemporânea - UFMT Departamento de Sociologia e Ciência Política

Doutor em Sociologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2007), Mestre em Sociologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003), Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (2000). Atualmente é Professor Efetivo Adjunto I da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), lotado no departamento de Sociologia e Ciência Política, onde leciona as disciplinas Sociologia da Cultura, Sociologia Brasileira e Sociologia da Comunicação. Tem experiência na área de Sociologia, Teoria Sociológica Clássica e Contemporânea, Sociologia da Educação, Sociologia do Esporte, Sociologia do Trabalho e Sociologia das Organizações. Suas Pesquisas abrangem os seguintes temas: Meio ambiente, cultura brasileira, identidades, sindicalismo, desemprego, relações de trabalho, modernidade, modernização conservadora, futebol brasileiro, civilização, Lei Pelé, mercado de trabalho no futebol, pós-modernidade, exportação de jogadores de futebol.

Neuza Cristina Gomes Costa, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Instituto de Saúde Coletiva - UFMT

Graduação em Enfermagem e Ciências Sociais pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Mestre em Sáude Coletiva pela UFMT. . Professora Assistente II do Departamento de Saúde Coletiva da UFMT. Coordenadora do Curso em Saúde Coletiva da UFMT. Presidente da Associação Cuiabá Angels Futebol Americano Feminino.

Lenara da Costa Pedroso, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Faculdade de Enfermagem - UFMT

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT. Professora do Curso de Enfermagem da Faculdade de Diamantino. Aluna Especial do Curso de Saude Coletiva - UFMT

Joycy Ambrósio da Silva, Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT Instituto de Linguagens - IL/UFMT

Estudante de Graduação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo. Desenvolve produção jornalística científica envolvendo comunicação e divulgação para a infância e juventude, além de participar em atividades educativas sobre sexualidade nas escolas. Atua como atleta e pesquisadora do Departamento de Projetos Sociais e Pesquisas da Associação Cuiabá Angels - Futebol Americano Feminino. (

Downloads

Publicado

2015-01-20

Edição

Seção

Artigos