Paidéia e os caminhos da educação

Autores

  • Carmen Lucia Fornari Diez UNIPLAC
  • Simara Bertotto Westphal Marcon UNIPLAC
  • Vanice dos Santos UNIPLAC

DOI:

https://doi.org/10.17058/barbaroi.v0i46.8468

Palavras-chave:

Paidéia. Formação. Educação

Resumo

Neste trabalho abordamos a educação como Paideia no sentido do termo grego. Paideia grega era a proposta de formação humano-intelectual dos cidadãos gregos na busca pela excelência humana. Vincula-se ainda a Bildung a outro momento distinto da cultura ocidental, à humanitas latina. Formação remete ao conceito de Bildung e ao significado de sua trajetória no século XVIII no contexto da tradição humanista. Esse período vivencia uma profunda transformação espiritual, com inovações no âmbito da crítica às interpretações de mundo vigentes, da literatura, da arte, da estética e na superação de um mero racionalismo iluminista, cujos influxos são percebidos na teoria educativa. Ao interrogar o verdadeiro sentido da formação pretendemos contribuir para o debate teórico da educação. A Paideia grega como critério orientador para pensar a formação possibilita despertar a consciência crítica e o olhar para a formação como fator de humanização do homem no passado e na atualidade.

Biografia do Autor

Carmen Lucia Fornari Diez, UNIPLAC

Pós- doutoranda em Filosofia pela Universidade Carlos III, de Madrid, pós-doutora em Filosofia pela Universidade de Barcelona, doutora em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba e mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná. É aposentada como professora associada da Universidade Federal do Paraná. Atualmente é professora do Mestrado em Educação da UNIPLAC ⎯ Universidade do Planalto Catarinense, na linha de pesquisa Políticas e Processos Formativos em Educação e está vinculada aos grupos de pesquisa NESEF Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Ensino de Filosofia e Educação Filosófica (UFPR), Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Ensino de Filosofia e Educação Filosófica ⎯ Regional Planalto Catarinense (UNIPLAC) e líder do Grupo de Estudos e Pesquisas História da Educação da Serra Catarinense ⎯ HISTEDBR Serra Catarinense.

Simara Bertotto Westphal Marcon, UNIPLAC

Trabalha na Escola Municipal de Educação Básica Ondina Neves Bleyer, em Lages, Santa Catarina. Atualmente professora do Ensino Fundamental I, e nos três anos anteriores atuava como orientadora pedagógica. Está cursando o mestrado em educação no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Planalto Catarinense/UNIPLAC, na linha de pesquisa Educação, Processos Socioculturais e Sustentabilidade. Participa do grupo de pesquisa GEPESVIDA que é um Grupo de Pesquisa e Estudos em Educação, Saúde e Qualidade de Vida.

Vanice dos Santos, UNIPLAC

Vanice dos Santos é Doutora em Educação (PPGEDU/UFRGS), Mestre em Filosofia pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação (UNIPLAC). Assessora de Educomunicação na 23ª Coordenadoria Regional de Educação/RS. Líder do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Ensino de Filosofia e Educação Filosófica - Regional Planalto Catarinense (UNIPLAC), pesquisadora associada ao Grupo de Pesquisa em Tecnopoéticas, Neuroestética e Cognição (UFRGS, UNILASALLE, CNPq), ao Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação, Saúde e Qualidade de Vida (Gepesvida) e ao Grupo de Pesquisa Rede de egressos: conhecimento para transformação social. Filiada a Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação (ABPeducom).

Downloads

Publicado

2016-03-09

Edição

Seção

Artigos