Literatura hispânica e uma nova perspectiva de aprendizagem

Giulio Daniel Mello, Brenda Schmidt Santos, Vera Lúcia Silva Travi

Resumo


O Programa de Iniciação à Docência (PIBID) tem nos possibilitado a experiência com o ensinoda língua espanhola, através de oficinas semanais, com os alunos do 7º e 9º ano da EscolaEstadual de Educação Básica Estado de Goiás. No último período, exploramos uma novaalternativa de aprendizagem da língua espanhola. A partir de uma preocupação primária de umapossível troca de saberes reais, entre discente/docente, desenvolvemos uma proposta com baseem uma perspectiva artística literária, mediante uma metodologia mais lúdica e que abrace deforma categórica um aprender amplo por meio da arte hispânica. Segundo a teoria sóciointeracionistade Vygostsky, citada por Freitas (1996), vimos que todo aluno já tem umabagagem empírica, justamente por já estar inserido em um contexto social singular, a qual éimprescindível para sua aprendizagem e desenvolvimento. Portanto, compreendemos que oestudo da literatura significa, não só apresentar novas formas narrativas, mas também novoscontextos sócios culturais, no caso da oficina em questão, especificamente o cenáriohispanohablante. Acreditamos que esse estudo com um foco artístico e cultural, proporciona aemersão do conhecimento da nossa língua alvo, favorecendo o processo de aquisição da L2. Osestudos e o contato dos alunos com a literatura em um primeiro momento afirma nossa suspeitade um avanço parcial em relação ao conhecimento da língua espanhola, visto que notamos umaparticipação mais ativa e significante por parte da turma em questão. Esse contato do estudantecom a arte literária se dá por mediação de textos curtos em atividades de conversação e debates1 Graduando de Letras Português/Espanhol – UNISC – Bolsista PIBID2 Graduanda de Letras Português/Espanhol – UNISC – Bolsista PIBID3 Professora Mestre do Departamento de Letras – UNISC – Coordenadora do PIBID SubprojetoEspanholcontextuais. Nosso objetivo avança na direção de desenvolver de uma forma ampla, essa capacidade de combinar fatores importantes na área da linguagem, como por exemplo, a ligação entre literatura e o processo aquisição da L2, expondo a esse aluno uma variedade de atividades culturais dos países hispanohablantes.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.