Perfil da leishmaniose cutânea americana na Amazônia Sul-Ocidental brasileira: uma abordagem multivariada

Mateus Duarte Ribeiro, Antonio Sergio Ferraudo, Mônica de Andrade

Resumo


Justificativa e Objetivos: A Leishmaniose Cutânea Americana (LCA) é uma doença de cadeia de transmissão complexa sujeita a diversos determinantes, em uma mesma região. Este estudo teve como objetivo analisar o comportamento e determinar o perfil epidemiológico da LCA em
uma região da Amazônia Sul-ocidental utilizando técnicas de análises multivariadas. Métodos: Utilizou-seas informações do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), 2001 a 2010,para o estado do Acre e técnicas de análises de agrupamento hierárquico e de
componentes principais.Resultados: Foram analisados um total de 10.984 casos de LCA e discriminados três grupos. O primeiro grupos e destacou por apresentar maior porcentagem de indivíduos do sexo feminino, com predominância da forma clínica mucosa, idade até 20 anos, que residiam e trabalhavam em áreas rurais e florestais; o segundo grupo foi discriminado por agrupar indivíduos do sexo masculino, com forma clínica cutânea, idade superior a 40 anos de idade, que residiam e trabalhavam em áreas urbanas; o terceiro grupo foi constituído por indivíduos do sexo masculino, forma clínica cutânea, idades entre 20 e 40 anos, que residiam e trabalhavam em áreas rurais. Conclusão: Há evidências que para cada tipo de transmissão de LCA florestal, urbano e rural, exista um perfil epidemiológico correspondente e as técnicas de análises multivariadas foram eficientes em destacar o comportamento da LCA relacionando-os ao perfil dos indivíduos acometidos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/reci.v8i4.11494



Direitos autorais 2018 Mateus Duarte Ribeiro

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo




Revista de Epidemiologia e Controle de Infecção - ISSN 2238-3360

Hospital Santa Cruz
Núcleo de Epidemiologia Hospitalar/Comissão de Controle de Infecção
Rua Fernando Abott, 174
Santa Cruz do Sul - RS - Brasil