DESENVOLVIMENTO HUMANO, COGNIÇÃO E EDUCAÇÃO ESCOLAR: REFLEXÕES SOB O ENFOQUE HISTÓRICO-CULTURAL

Solange Maria Alves

Resumo


O texto em tela é fruto de estudos, reflexões e diálogos realizados com estudantes de graduação e pós-graduação no âmbito do ensino e da pesquisa por mim coordenada, alocada no grupo de pesquisa: Desenvolvimento Humano, Cultura e Educação, nas linhas: Linguagem, Desenvolvimento e Aprendizagem e Produção Imaginária e Educação Criadora. Ao longo de alguns anos, a tarefa de coordenar processos pedagógicos de ensino e pesquisa, possibilitaram a construção da síntese (sempre provisória), aqui apresentada. Tendo como alicerce a teoria histórico-cultural de Vigotski e colaboradores, o texto reflete sobre o desenvolvimento humano, cognição e educação escolar, perseguindo a tese de que a cognição é desenvolvimento humano. Para isso, busca, nos fundamentos teóricos da concepção histórico-cultural, os elementos chaves que explicam o processo através do qual o biológico transforma-se em sócio-histórico, demora-se de modo mais cuidadoso na explicitação do que Vigotski traduz como planos ou domínios genéticos de desenvolvimento humano, amplia a reflexão articulando as categorias: trabalho e linguagem..

Palavras-chave


Desenvolvimento Humano; Cognição; Educação Escolar; Teoria Histórico-Cultural

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rea.v24i2.4617



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo