Poesia: uma casa para as infâncias

Marli Cristina Tasca Marangoni, Flávia Brocchetto Ramos

Resumo


Este estudo examina especificidades da palavra poética, focalizando possibilidades de concretização do poético, em diferentes propostas de interação que os versos dirigem ao seu leitor. Com base em Paz (1998) e Bordini (1991) e com orientação metodológica bibliográfica de viés analítico, cinco poemas são tomados para reflexão, levantando-se uma série de recursos que os constituem e tendem a mobilizar diferentemente o leitor em formação, instando-o a atuar de modo diverso enquanto lê. Nesse sentido, a sonoridade, a imagem poética e a visualidade concretizam a potencialidade lúdica da poesia, em textos para “dar nó”, para dizer e cantar, para imaginar, investigar ou, ainda para ler e ver. Tendo em vista o processo de letramento poético, a investigação reflete acerca de como o poema pode acolher o horizonte do leitor em formação, fazendo-se sua morada e desafiando-o a desenvolver sua sensibilidade estética e sua linguagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/signo.v45i83.14742

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo