Ilíada para crianças: a adaptação como configuração do épico na modernidade

Meirilayne Ribeiro Oliveira, Jamesson Buarque de Souza

Resumo


Realizar a leitura de uma epopeia grega em sua forma original é um desafio até para leitores especializados. Neste contexto, as adaptações ganharam espaço no mercado editorial – tanto para adultos, quanto para crianças – e sofreram muitas críticas, acusadas de, em nome da inteligibilidade, diminuírem o valor literário dos clássicos. Entretanto, se mudarmos o foco de análise, será que esta não seria uma nova configuração do gênero épico na modernidade? Para responder a essa pergunta, analisamos a obra Ruth Rocha conta a Ilíada, uma adaptação do clássico de Homero para crianças.

Palavras-chave


Epopeia. Adaptação. Literatura infantil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/signo.v36i60.1935

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo