Racismo nos desenhos animados: cartilha de auxílio aos professores

Camila Isabel Reinke, Marieli Elena Muller, Mozart Linhares da Silva

Resumo


O ensino de história é fundamental para conhecimento do ser humano no tempo e no espaço, por conseguinte ensinar é uma tarefa complexa no qual o docente deve utilizar diversos recursos para auxiliar os alunos fazendo com que eles tenham gosto pela disciplina, pois a escola é um lugar de descobertas e significados. Pensando nisso apresenta-se um relato de experiência no qual utilizou-se cartilhas feitas no subprojeto de história. O principal objetivo é demonstrar a importância do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência) na aplicabilidade das cartilhas sobre racismo nos desenhos animados como material de auxílio aos professores. Durante os encontros do Pibid com a ajuda do professor e o auxílio de textos e palestras sobre o racismo, decidiu-se pesquisar como o racismo se manifestou nos desenhos animados. A partir de então elaborou-se um texto referente ao assunto, do qual produziu-se uma cartilha para os docentes utilizarem em sala de aula como ferramenta de aprendizagem. A cartilha tem como principal direção o racismo manifestado nos desenhos animados das décadas de 1930 e 1960 nos Estados Unidos, que apresentavam estereótipos étnico-raciais. Essas animações foram produzidas em um período cuja havia um forte regime segregacionista, no qual os negros e outras etnias eram consideradas como inferiores. Somente depois do conhecimento das atrocidades nazistas, o combate ao racismo estimulou os movimentos dos direitos civis entre os estadunidenses, com mobilizações políticas em defesa dos negros pela efetividade dos Direitos Humanos. Neste contexto, as animações que antes eram aceitas e vistas com naturalidade foram consideradas ofensivas. As cartilhas foram entregues nas escolas das quais os pibidianos de história participam e neste material havia o “QR CODE” que é um código de barras que pode ser escaneado pelo celular e fazendo isso na cartilha os professores teriam acesso ao texto principal. Dessa maneira auxiliou-se os professores a terem um maior conhecimento sobre o assunto podendo realizar diversas atividades, assim despertando a criatividade e curiosidade dos alunos. Concluiu-se que é muito importante trazer novas atividades para dentro do meio escolar e trabalhar nisso interdisciplinarmente faz com que os alunos tenham uma aprendizagem mais eficaz.PALAVRAS-CHAVES: ensino-cartilhas-racismo-desenho animado

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.