Políticas públicas de educação superior e desenvolvimento local: as transformações no município de Cachoeira/Ba após a implantação da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17058/redes.v24i2.11655

Palavras-chave:

Desenvolvimento. Políticas Públicas. Universidade. Recôncavo Baiano.

Resumo

Neste trabalho analisa-se a importância da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia -UFRB no processo de desenvolvimento do município de Cachoeira. A UFRB é fruto de política pública nacional para a expansão do ensino superior no país, e, ao se materializar nos espaços, promoveu transformações, adaptações e requalificações, com resultados às vezes diversos dos planejados pelos formuladores da política, principalmente quando se trata de pequenas e médias cidades. O trabalho se utilizou de pesquisa bibliográfica, documental, eletrônica, visando compreender os reflexos da Universidade no município. Atualmente, as universidades exercem uma grande contribuição para o desenvolvimento socioeconômico, e a UFRB tem grande relevância no atual contexto de dinamização econômica de Cachoeira, de valorização da cultura local e de disseminação do conhecimento. Desta forma, o artigo traz novas possibilidades de reflexão e de entendimento sobre a função e a atuação da UFRB no Recôncavo e sua contribuição ao desenvolvimento local, considerando que é de interesse da sociedade e dos gestores alcançarem efetividade com as ações realizadas, trazendo benefícios sociais para um maior número de pessoas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jorge Antonio Santos Silva, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - UFRB

Professor Adjunto da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – UFRB, vinculado ao Centro de Artes, Humanidades e Letras onde foi coordenador do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública (de fevereiro/2012 a novembro/2014), sendo professor permanente do Mestrado Profissional em Gestão de Políticas Públicas e Segurança Social do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas da UFRB, onde leciona, também, no Curso de Especialização em Gestão da Inovação e Desenvolvimento Regional. Graduado em Administração de Empresas (1977) e em Economia (1988), com mestrado em Administração pela Universidade Federal da Bahia (1991) e doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (2004) – área de concentração e linha de pesquisa Turismo. Conselheiro suplente do Conselho Regional de Economia 5ª Região nos períodos 2006-2008, 2012-2014 e 2015-2017. Membro do Observatório Estadual de Economia Criativa da Bahia – OBEC-BA. Membro do Grupo de Estudos de Economia Regional e Urbana – GERURB. Áreas de interesse: economia da cultura; economia criativa; teoria do desenvolvimento; governança, políticas públicas e desenvolvimento territorial; sistemas produtivos (clusters/APL/redes); cultura e criatividade na economia e no desenvolvimento; turismo e desenvolvimento; economia do turismo; dinâmica das organizações.

Ozana Rebouças Silva, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - UFRB

Graduada em Licenciatura em Geografia pela Universidade Estadual de Feira de Santana (2007) e pós-graduada no Mestrado Profissional em Gestão de Políticas Públicas e Segurança Social pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (2017). Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em desenvolvimento local, atuando, principalmente, nos seguintes temas: Educação, Políticas públicas, Gestão e desenvolvimento local.

Downloads

Publicado

2019-05-03

Como Citar

Silva, J. A. S., & Silva, O. R. (2019). Políticas públicas de educação superior e desenvolvimento local: as transformações no município de Cachoeira/Ba após a implantação da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Redes (St. Cruz Do Sul Online), 24(2), 209-232. https://doi.org/10.17058/redes.v24i2.11655