Comunicação para o desenvolvimento territorial: análise da Política Nacional de Desenvolvimento Regional

Monica Franchi Carniello, Moacir José dos Santos

Resumo


O conceito de desenvolvimento passou por significativas transformações conceituais desde que o debate alcançou dimensões globais. A perspectiva multidimensional do desenvolvimento de um território, que vigora atualmente, demanda a perspectiva interdisciplinar. O papel da Comunicação e sua relação com o conceito e os processos de desenvolvimento são o enfoque deste artigo. O objetivo geral foi analisar o papel da comunicação na Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR) vigente. Trata-se de um artigo de abordagem exploratória, com delineamento bibliográfico e documental. Traçou-se um percurso relacional entre comunicação e desenvolvimento, identificando distintas fases. Verificou-se que a Comunicação se situa como uma ferramenta para a transparência e participação social, mas não se configura como um eixo prioritário de intervenção, a despeito de o país apresentar uma estrutura de mídia com características desfavoráveis para os processos de desenvolvimento.

Palavras-chave


Comunicação. Desenvolvimento regional. Política Nacional de Desenvolvimento Regional.

Referências


ALCANTARA, Liliane Cristine Schlemer; SAMPAIO, Carlos Alberto Cioce. Bem Viver como paradigma de desenvolvimento: utopia ou alternativa possível? Vol. 40, abril 2017. Desenvolv. Meio Ambiente, v. 40, p. 231-251, abril 2017. DOI: 10.5380/dma.v40i0.48566 Acesso em: 29 ago. 2020.

BARRANQUERO-CARRETERO, A. SÁEZ-BAEZA. Comunicación y buen Vivir. La crítica descolonial y ecológica a la comunicación para el desarrollo y el cambio social. Palabra Clave, v. 18, n.1, p. 41-82. DOI: 10.5294/pacla. 2015.

BARRANQUERO, A. Conceptos, instrumentos, desafíos de la educomunicación para el cambio social. Revista Científica de Comunicación y Educación; v. 15, n. 29, p. 115-120, 2007.

BELTRÃO, Luiz. Comunicação e folclore: um estudo dos agentes e dos meios populares de informação de fatos e expressão de idéias. São Paulo: Melhoramentos, 1971.

BELTRÃO, Luiz. Folkcomunicação: a comunicação dos marginalizados. São Paulo: Cortez, 1980.

BELTRÃO, Luiz. Folkcomunicação: teoria e metodologia. São Bernardo do Campo: UMESP, 2004.

BOLAÑO, César Ricardo Siqueira. Economia política, globalização e comunicação. Novos Rumos. n. 25 (11): (1996), pp. 15,23). DOI: https://doi.org/10.36311/0102-5864.11.v0n25.2047 Acesso em: 28 ago. 2020.

BRASIL. Decreto Nº 9.810, de 30 de maio de 2019. Institui a Política Nacional de Desenvolvimento Regional. 2019. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/decreto/D9810.htm Acesso em: 28 ago. 2020.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

CIDADE, Lucia C.F.; VARGAS, Gloria M.;JATOBÁ, Sergio U. Regime de

acumulação e configuração do território no Brasil. Cadernos Metrópole, São

Paulo, 20 p.13-35, 2º sem. 2008. Disponível em

http://revistas.pucsp.br/index.php/metropole/article/view/8634 Acesso em: 28 ago. 2020.

COMISSÃO MUNDIAL SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO. Nosso Futuro Comum. 2 ed. Rio de Janeiro: Editora da Fundação Getúlio Vargas, 1991.

Seguir as nomas da ABNT para referências.

CANO, Wilson. Desequilíbrios regionais e concentração industrial no Brasil (1930-1970). 3ª ed. São Paulo: Editora UNESP, 2007.

CGI. Comitê Gestor da Internet no Brasil. Disponível em: < www.cgi.br> Acesso em 19 dez. 2019.

DALLABRIDA, Valdir Roque. Território e governança territorial, patrimônio e desenvolvimento territorial: estrutura, processo, forma e função na dinâmica territorial do desenvolvimento. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, [S.l.], v. 16, n. 2, maio 2020. ISSN 1809-239X. Disponível em: . Acesso em: 28 ago. 2020.

D’ANCONA, Mathew. Pós-verdade. Barueri: Faro editorial, 2018.

DEOLINDO, Jaqueline. O negócio da mídia no interior. Curitiba: Appris, 2009.

ETGES, Virginia Elisabeta. Desenvolvimento regional sustentável: o território como paradigma. Redes, Santa Cruz do Sul, v. 10, n. 3, p. 47-55, set. 2017. ISSN 1982-6745. Disponível em: . Acesso em: 28 ago. 2020. doi:https://doi.org/10.17058/redes.v10i3.11050.

FAVARETTO, Arílson. Multiescalaridade e multidimensionalidade nas políticas e nos processos de desenvolvimento territorial - acelerar a transição de paradigmas. In: SILVEIRA, Rogério de Leandro Lima da; DEPONTI, Cidonea Machado. Desenvolvimento regional: processos, políticas e transformações territoriais. São Carlos: Pedro & João Editores, 2020. 350p.

FREIRE, Paulo. Extensão ou comunicação? São Paulo: Paz e Terra, 2006a.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. São Paulo: Paz e Terra, 2006b.

FURTADO, Celso. Teoria e Política do Desenvolvimento Econômico. São Paulo: Abril

Cultural, 1983.

GUMUCIO-DAGRON, Alfonso. Vertical minds versus horizontal cultures: an overview of participatory process and experiences. In: SERVAES, Jan. Communication for Development and Social Change. New Delhi: SAGE, 2007.

HALLIN, D. C. E MANCINI P. Comparing Media Systems. Three Models of Media and Politics. Cambridge, New York: Cambridge University Press, 2004.

HEEKS, Richard. Theorizing ICT4D Research. The Massachusetts Institute of Technology Information Technologies and International Development. Volume 3, Number 3, Spring 2006, 1–4.

INSTITUTO PARA O DESENVOLVIMENTO DO JORNALISMO. Atlas da notícia. 2019. Disponível em:< https://www.atlas.jor.br/> Acesso em: 19 dez.2019.

JANSSON, A. For a geography os communication. ACSIS, Sweden, jun. 2005. Disponível em: Acesso em: 27 dez 2008.

KLEINE, Dorothea. Technologies of Choice¬? ICTs, development, and the capabilities approach. Cambridge/ London: MIT Press, 2013.

LÉVY, Pierre. Ciberdemocracia. Lisboa: Editora Instituto Piagel, 2002.

LIMA, Venâncio. Sete teses sobre mídia e política no Brasil. Revista USP, São Paulo, n.61, p. 48-57, março/maio 2004. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revusp/article/download/13317/15135

Acesso em: 28 ago. 2020.

MELO, José Marques de. Por um conceito midiático de região. In: MELO, José Marques de; SOUSA, Cidoval Moraes de; GOBBI, Maria Cristina. Regionalização midiática: estudos sobre comunicação e desenvolvimento regional. Rio de Janeiro: Sotese, 2006.

MOREIRA, Sonia Virgínia. Análise documental como método e técnica. In: DUARTE, Jorge; BARROS, Antonio (Org.). Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. São Paulo: Atlas, 2005.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (ONU). Programa das Nações Unidas para o

Desenvolvimento (PNUD). Relatório sobre o Desenvolvimento Humano: Liberdade

cultural num mundo diversificado. Lisboa, Portugal, 2004. Tradução: José Freitas e Silva. Disponível em http://www.hdr.undp.org/en/media/hdr04_po_chapter_2.pdf. Acesso em: 28 ago. 2020.

ORTIZ, Renato. A moderna tradição brasileira. 2 ed. São Paulo: Editora Brasiliense, 1988.

PERUZZO, Cicilia M. Krohling. Conceitos de comunicação popular, alternativa e comunitária revisitados e as reelaborações no setor. ECO-Pós, v.12, n.2, maio-agosto 2009, p.46-61. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/41805592_Conceitos_de_comunicacao_popular_alternativa_e_comunitaria_revisitados_Reelaboracoes_no_setor Acesso em: 29 ago. 2020.

PNUD. Guia de comunicação e mobilização social em convivência e segurança cidadã. 2 ed. Brasília: PNUD, Conviva, 2016

RAFFESTIN, C. Por uma geografia do poder. São Paulo: Ática, 1993.

REIS, Clóvis; HOSTIN, Regina. Comunicação para o desenvolvimento: o percurso teórico-metodológico das abordagens clássicas aos enfoques contemporâneos. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, [S.l.], v. 15, n. 4, jul, jul. 2019. ISSN 1809-239X. Disponível em: . Acesso em: 28 ago. 2020.

SACHS, Ignacy. Desenvolvimento: um conceito interdisciplinar por excelência. Revista Tempo Brasileiro. Nº. 113, abril-junho, 1993.

SANTOS, Moacir José dos; CARNIELLO, Monica Franchi. O desenvolvimento do Sistema Nacional de Telecomunicações (1961-1967): a produção das condições técnicas necessárias à expansão do mercado publicitário no Brasil. Acervo on-line Mídia Regional. 2014. Disponível em: < http://www.revistas.univerciencia.org/index.php/midiaregional/ article/view/8896/8043>. Acesso em: 10 mar. 2015

SCHRAMM, W. Comunicação de massa e desenvolvimento. Rio de Janeiro: Bloch, 1970.

SECOM. Pesquisa brasileira de mídia 2016 - hábitos de consumo de mídia pela população brasileira. 2016. Disponível em: Acesso em: 03 jul. 2019.

SEN, A. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

SENPLADES. Plan Nacional para el Buen Vivir 2009- 2013: construindo un Estado plurinacional e intercultural. Quito-Equador: SENPLADES, 2009. Disponível em: https://www.planificacion.gob.ec/wp-content/uploads/downloads/2012/07/Plan_Nacional_para_el_Buen_Vivir.pdf Acesso em: 29 ago. 2020.

SERVAES, Jan. Communication for Development and Social Change. New Delhi: SAGE, 2007.

SOUZA, Jessé. Os batalhadores brasileiros: a nova classe média ou os novos trabalhadores. 2 ed. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012.

VIEIRA, Edson Trajano; SANTOS, Moacir José dos. Desenvolvimento econômico regional – uma revisão histórica e teórica. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, v. 8, n. 2, jun. 2012. ISSN 1809-239X. Disponível em: . Acesso em: 29 ago. 2020.




DOI: http://dx.doi.org/10.17058/redes.v26i0.15670

Flag Counter

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo