Benefícios dos arranjos produtivos locais: a percepção dos apicultores sobre a rede abelha Ceará - Brasil

Oderlene Vieira de Oliveira, Francisco Correia de Oliveira, Rosângela Andrade Pessoa

Resumo


No Brasil, diversos projetos estão sendo desenvolvidos, buscando auxiliar no fortalecimento de iniciativas de base comunitária, com apoio de entidades governamentais e não governamentais, notadamente por meio de cooperação em aglomerações. A Rede Abelha do Estado do Ceará ilustra a dinâmica desta nova forma de organização produtiva, em que os empreendedores se reúnem, em cooperação, no intuito de se tornarem mais competitivos. Nesse contexto, definiu-se como problema de pesquisa a seguinte questão: Qual a percepção dos apicultores associados sobre dinâmica do funcionamento da Rede Abelha Ceará? Para tanto definiu-se como objetivo de pesquisa identificar a percepção dos apicultores em relação aos benefícios obtidos por se associarem a Rede Abelha Ceará. A metodologia abrangeu o Estudo de Caso e os dados foram submetidos à técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados indicaram que os apicultores percebem benefícios para seu negócio, notadamente no que tange a ganhos de escala provenientes da compra em grupo, apoio governamental para a obtenção de crédito e capacitação para a produção do mel, dentre outros. A sinergia da rede, entretanto, não é plenamente aproveitada, porquanto metade dos entrevistados não utiliza a marca Rede Abelha.

Palavras-chave


benefícios, APL, Rede Abelha Ceará.

Texto completo:

ARTIGO


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/redes.v18i3.1610

Flag Counter

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo