Arranjo Produtivo Local - APL de Tecnologia de Informação - TI no sudoeste do Paraná: mudanças paradigmáticas da inovação à dimensão social

Rafael Henrique Mainardes Ferreira, Nilvania Aparecida de Mello, Miguel Ângelo Perondi, Gilson Ditzel Santos

Resumo


O presente artigo propõe a análise dos conceitos de inovação e concepção do aspecto social na construção de possíveis modelos de percepção social, contribuindo para a edificação do conhecimento tecnológico e mudanças à racionalidade ambiental. É possível verificar a construção de novas ideias e saberes, a partir da dimensão social fortemente associada aos processos inovativos, fomentando o desenvolvimento com a construção de uma dinâmica ambiental democrática e participativa. A partir desta análise, permite-se constituir estudo de caso sobre o Arranjo Produtivo Local - APL de Tecnologia de Informação – TI da região Sudoeste paranaense, verificando os principais eixos de dimensão social capazes de contribuir ao desenvolvimento regional. É percebido que a contextualização de inovação desdobra-se gradativamente, oportunizando novas abordagens e direcionamentos dos objetivos centrais, assumindo papéis sustentáveis na formulação de processos e constituição ambiental, transformando a racionalidade dos processos interligados às redes de tecnologia de informação em um âmbito de ampla complexidade, permitindo avaliar as principais mudanças no contexto social e de capital humano.

Palavras-chave


Arranjo Produtivo Local. Tecnologia de Informação. Inovação Social.

Texto completo:

ARTIGO


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/redes.v20i3.3938

Flag Counter

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo