Estilos de agricultura e estratégias de reprodução social no Assentamento Conquista da Esperança, Município de Tupanciretã/RS

Autores

  • Alisson Vicente Zarnott Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
  • Eduardo Miotto Flech Universidade Federal de Santa Maria
  • Pedro Selvino Neumann Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

DOI:

https://doi.org/10.17058/redes.v21i3.7636

Palavras-chave:

Perspectiva Orientada ao Ator (POA).Reforma Agrária. Diversidade.

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo investigar as estratégias de reprodução social e os estilos de agricultura desenvolvidos no assentamento Conquista da Esperança no município de Tupanciretã/RS. A pesquisa segue a a abordagem da Perspectiva Orientadaao Ator (POA) e foi realizada através de uma abordagem quantitativa onde 13 famílias do assentamento foram entrevistadas com auxílio de um formulário em 2013 e depois, em 2015, foram utilizados dados do Sistema Integrado de Gestão Rural do Programa de Assessoria Técnica, Social e Ambiental para assentamentos de reforma agrária. Os dados foram analisados através do software SPSS. Os resultados mostram a existência de uma diversidade de estratégias (re)produtivas em curso como a atividade leiteira, a sojicultura, a pluriatividade, a bovinocultura de corte, a horticultura, a produção para o autoconsumo, entre outras e que o trinômio leite/soja/atividade não-agrícola é a estratégia de reprodução mais adotada. Percebe-se também que as famílias assentadas manejam suas atividades produtivas de acordo com a disponibilidade de força de trabalho, de recursos financeiros, da variação de preços e da existência de políticas de apoio a produção e comercialização. Conclui-se também que, em que pese, a pressão exercida pelo agronegócio no entorno do assentamento Conquista da Esperança, as famílias assentadas confirmam a tendência da agricultura familiar de desenvolver respostas individuais e construir uma diversidade de estratégias reprodutivas diferindo da agricultura patronal predominante no município e caracterizada pelo cultivo isolado de soja.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alisson Vicente Zarnott, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Engenheiro Agrônomo, Mestre em Agroecossistemas pelo Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas/UFSC e doutorando em Extensão Rural no Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural da UFSM.

Eduardo Miotto Flech, Universidade Federal de Santa Maria

Economista, Mestre em Extensão Rural pelo Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural da UFSM.

Pedro Selvino Neumann, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Professor do Departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural (DEAER) e do Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural da UFSM.

Downloads

Publicado

2016-09-10

Como Citar

Zarnott, A. V., Flech, E. M., & Neumann, P. S. (2016). Estilos de agricultura e estratégias de reprodução social no Assentamento Conquista da Esperança, Município de Tupanciretã/RS. Redes (St. Cruz Do Sul Online), 21(3), 146-164. https://doi.org/10.17058/redes.v21i3.7636