O papel das políticas territoriais especiais para a transformação das cidades de zona de fronteira: o caso das cidades gêmeas de Brasileia, Epitaciolândia e Cobija

Leonardo Luiz Silveira da Silva

Resumo


As zonas de fronteira possuem importante valor estratégico para os Estados. Tal valor centra-se na sua importância no âmbito da segurança e da cooperação. Como um movimento para a valorização das zonas de fronteira, os Estados têm criado políticas territoriais especiais que beneficiam o desenvolvimento e o dinamismo regional. O artigo apresentará um estudo que contou com a realização de um trabalho de campo às cidades gêmeas de Brasiléia, Epitaciolândia e Cobija e que teve como intuito a percepção da alteração da realidade geográfica promovida pelas políticas de fronteira. O trabalho contou com o levantamento de dados das redes econômicas, hoteleiras e educacionais das cidades investigadas.

Palavras-chave


Palavras-Chave: Faixa de Fronteira. Cidades Gêmeas. Políticas territoriais.

Texto completo:

Artigo


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/redes.v22i1.8414

Flag Counter

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo