As cidades intermediárias do noroeste argentino como espelho dos modelos de desenvolvimento

Matilde Malizia, Paula Boldrini, Fernando Ruíz Peyré

Resumo


O desenvolvimento entendido tanto em seu sentido social como econômico, representa um desafio articulador para os povos latino-americanos, em um contexto de globalização neoliberal hostil a seus interesses. As cidades latino-americanas que se enxergavam como lugares onde se conjugava o progresso e a modernidade estão atravessando processos de diferenciação em sua estrutura espacial e social como resultado da combinação de complexos fatores relacionados com o avanço do capitalismo global e com padrões culturais, históricos e sociais. Este trabalho tem como objetivo identificar e analisar os modelos de desenvolvimento dominantes e sua relação com os câmbios territoriais que caracterizam as cidades intermediárias no norte Argentino. Se toma como exemplo os aglomerados Grande San Miguel de Tucumán e Grande San Salvador de Jujuy durante o período 1990–2015. A estratégia metodológica combina atividades e técnicas qualitativas e quantitativas e utiliza como fontes de informação os Censos Nacionales de Población, Hogares y Viviendas (1991, 2001, 2010), imagens de satélite Landsat-TM para os mesmos anos e material bibliográfico. Os resultados se centram nos processos de conformação e expansão urbana vinculada aos câmbios em relação ao conceito de desenvolvimento; e nas lógicas residenciais que dominaran na produção das cidades, como manifestação das políticas dominantes cristalizadas no território dos aglomerados estudados. Ainda em contexto de pobreza particularmente desfavorável, os esforços para sustentar um modelo de cidade competitivo se mantem, em detrimento ou as custas da vulnerabilidade crescente da maior parte da população.

Palavras-chave


Desenvolvimento. Território. Cidades intermediárias. Desigualdade.

Texto completo:

Artigo


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/redes.v23i3.9927

Flag Counter

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo