CRIANÇAS FAZENDO MUSICALIZAÇÃO: CONTRIBUIÇÕES DOS BRINQUEDOS EM PROCESSOS DE ENSINAR E DE APRENDER

Ilza Zenker Leme Joly, Aline Sommerhalder, Camila Marques dos Santos, Camila Tanure Duarte

Resumo


Esse artigo é resultado de uma pesquisa concluída que objetivou identificar como o brinquedo pode afetar o processo de ensino e de aprendizagem de crianças em práticas sociais de musicalização. Realizou-se observação participante em dois grupos de musicalização com crianças entre 2 e 3 anos, com registro em diário de campo. Os resultados mostraram que o processo de musicalização foi enriquecido de forma significativa pelas práticas pedagógicas com brinquedos. Chocalhos, lenços, cavalos de pau, bichos de pelúcia, fantoches, bonecas de pano, livros de histórias infantis incentivaram a participação das crianças em cantos e danças, ampliaram as relações entre crianças e seus pares e crianças e adultos. Funcionaram como suportes lúdicos colaboradores na acolhida, convivência e fazeres musicais, na ampliação das interações e fortalecimento de vínculos afetivos, sobretudo na promoção de momentos mais prazerosos nas práticas de educação musical com crianças.

Palavras-chave


Brinquedos; Educação Musical; Ensinar e Aprender; Primeira Infância; Arte

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rea.v24i2.5817

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo