Competências digitais e práticas de ensino de PLE a hispanofalantes em contexto universitário online de emergência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.17058/signo.v46i85.15668

Palavras-chave:

Competências digitais, PLE a hispanofalantes, Ensino remoto de emergência

Resumo

Neste artigo, apresentamos quatro recursos didáticos virtuais configurados para a exposição de conteúdos, interação, colaboração e avaliação em atividades de português como língua estrangeira (PLE) a hispanofalantes numa universidade pública chilena. A descrição e o emprego desses recursos são associados ao contexto institucional e aos resultados de aprendizagem estabelecidos por suas grades curriculares. Nosso objetivo é explorar como o desenho e a realização das atividades para o ensino de PLE impacta o processo de letramento digital, tanto em relação a professores como em relação a estudantes. Para isso, consideramos pesquisas publicadas acerca do emprego das TIC´s no ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras nos últimos 20 anos (PAIVA, 2001; LEFFA, 2006; GRABE & GRABE, 2005; TOUR, 2015; RODRIGUES, MUENCHOW & RIBAS, 2017), destacando suas implicações na relação com os materiais didáticos, com o planejamento das aulas, com a interação e com a multidimensionalidade característica de cenários em linha. Reconhecemos que, ao longo do tempo, termos como blended learning e aprendizagem online passaram a ser comuns para professores e estudantes, embora dependentes de seus interesses e competências digitais. De forma urgente e acelerada o ano 2020, marca uma mudança com relação ao uso das TIC´s nas práticas educativas em geral, devido ao estabelecimento do ensino remoto de emergência vivenciado durante a pandemia do Sars-CoV-2. Precisamente, nossas reflexões apontam à forma em que, a partir desse contexto, instalam-se e projetam-se transformações na educação terciária de línguas estrangeiras em condições menos emergenciais, demandando o desenvolvimento de competências digitais de alunos e de professores.

Biografia do Autor

Ana Laura dos Santos Marques, Universidad De Santiago de Chile

Professora Assistente de Língua Portuguesa – Departamento de Lingüística y Literatura, Universidad de Santiago de Chile. Dra. (c) pelo programa de Doctorado en Lingüística - Pontificia Universidad Católica de Chile – bolsista Agencia Nacional de Investigación y Desarrollo, Gobierno de Chile, 2016-2020.

Referências

ALMEIDA FILHO, José Carlos Paes. “Uma metodologia específica para o ensino de línguas próximas? Em: ALMEIDA FILHO, José Carlos Paes de (org.): Português para estrangeiros interface com o espanhol. Campinas: Pontes, p. 13-21, 1995.

ALMEIDA FILHO, José Carlos Paes de. “Codificar conteúdos, processo, e reflexão formadora no material didático para ensino e aprendizagem de línguas.” Em: PEREIRA, Ariovaldo Lopes; GOTTHEIM, Liliana (Orgs.). Materiais didáticos para o ensino de língua estrangeira – Processos de criação e contexto de uso. Campinas: Ed. Mercado de Letras, p.13-28, 2013.

ALONSO REY, Rocío. El mito de la facilidad en el estudio del proceso de enseñanza y aprendizaje de PLE-HE. Estudios Portugueses, n. 4, p. 11-38, 2004. < https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=3727747> Data de acesso: 19/08/2020.

ALONSO REY, María Rocío. Portugués para hispanohablantes: aspectos teóricos y prácticos de un área emergente de investigación. Estudios Portugueses y Brasileños, n. 12, p. 9-26, 2012. < https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=4680391 > Data de acesso: 19/08/2020

BURBAT, Ruth. El aprendizaje autónomo y las TIC en la enseñanza de una lengua extranjera: ¿Progreso o retroceso? Porta Linguarum, n. 26, p. 37-51, jun. 2016. Disponível em: < http://www.ugr.es/~portalin/articulos/PL_numero26/ART3_Ruth%20Burbat.pdf > Data de acesso: 19/08/2020

COSTA, Fernando A.; PERALTA, Helena. Comunidades virtuales de aprendizaje: el punto de vista de los participantes. Revista Electrónica Teoría de la Educación. Educación y Cultura en la Sociedad de la información, v. 8, n. 3, diciembre 2007. Disponível em: < https://campus.usal.es/~teoriaeducacion/rev_numero_08_03/n8_03_albuquerque_peralta.pdf > Data de acesso: 22/08/2020.

DELL´ISOLA, Regina L. P. “Em busca da formação continuada de professores de Português como língua estrangeira: alguns parâmetros”. Em: JÚDICE, Norimar (coord.). Ensino da língua e da cultura do Brasil para estrangeiros, Niterói: Intertexto, p. 9-30, 2002.

FERREIRA, Itacira A. “Português/espanhol – fronteiras linguísticas que devem ser delimitadas”. Em: ALMEIDA FILHO, José Carlos Paes de (Org.): Português para estrangeiros: interface com o espanhol, Campinas: Pontes, p. 34-48, 1998.

GRABE, Mark; GRABE, Cindy. Integrating Technology for Meaningful Learning. Boston: Cengage Learning, 2006. 464 p.

GROSSO, Maria José dos Reis; SOARES, Antonio; SOUZA, Fernanda; PASCUAL, José. Quadro de referência para o ensino de português no estrangeiro. Documento orientador. DGE MEC Portugal, 2011.

HERNÁNDEZ-SELLÉS, Nuria; GONZÁLEZ-SANMAMEDY, Mercedes; MUÑOZ-CARRIL, Pablo-César. El rol docente en las ecologías de aprendizaje: análisis de una experiencia de aprendizaje colaborativo en entornos virtuales. Profesorado - Revista de curriculum y formación del profesorado, v. 19, n. 2, mayo-agosto, 2015. Disponível em: < https://digibug.ugr.es/bitstream/handle/10481/37369/rev192ART9.pdf?sequence=1&isAllowed=y > Data de acesso: 19/08/2020.

HODGES; Charles; MOORE, Stephanie, LOCKEE, Barb; TRUST, Torrey; BOND, Aaron. The Difference Between Emergency Remote Teaching and Online. Educase Review. Março de 2020. Disponível em:

< https://er.educause.edu/articles/2020/3/the-difference-between-emergency-remote-teaching-and-online-learning > Data do acesso: 19/08/2020

JARAMILLO, Patricia. Uso de tecnologías de información en el aula. ¿Qué saben hacer los niños con los computadores y la información?, Revista de Estudios Sociales, 20, Junio 2005. Disponível em: < http://journals.openedition.org/revestudsoc/23700> Data de acesso: 23/08/2020.

JÚDICE, Norimar. Português para estrangeiros: perspectivas de quem ensina. Niterói: Intertexto, 2002. 106 p.

JÚDICE, Norimar. “Módulos didáticos para grupos específicos de aprendizes estrangeiros de português do Brasil: uma perspectiva e uma proposta”. Em: PEREIRA, Ariovaldo Lopes; GOTTHEIM, Liliana (Orgs.). Materiais didáticos para o ensino de língua estrangeira – Processos de criação e contexto de uso. Campinas, Brasil: Ed. Mercado de Letras, p. 147-184, 2013.

LEFFA, V. J. . A aprendizagem de línguas mediada por computador. In: Vilson J. Leffa. (Org.). Pesquisa em lingüística Aplicada: temas e métodos. Pelotas: Educat, p. 11-36, 2006.

LOTHERINGTON, Heather; JENSON, Jennifer. Teaching Multimodal and Digital Literacy in L2 Settings: New Literacies, New Basics, New Pedagogies. Annual Review of Applied Linguistics, v. 31, p. 226-246, mar. 2011. Disponível em: < https://www.cambridge.org/core/journals/annual-review-of-applied-linguistics/article/teaching-multimodal-and-digital-literacy-in-l2-settings-new-literacies-new-basics-new-pedagogies/3272B0C027D5461FA5B23946159B342A > Data de acesso: 19/08/2020.

MARQUES, Ana Laura S.. Percepções de estudantes de tradução acerca do processo de biletramento. Revista X, v. 12, n. 2, UFPR, p. 105-129, 2017. Disponível em: < https://revistas.ufpr.br/revistax/issue/view/2236 > Data de acesso: 19/08/2020.

MENDES, Edleise. Diálogos interculturais: ensino e formação em português língua estrangeira. Campinas: Pontes, 2011. 310 p.

PAIVA, Vera. L. Menezes de Oliveira. A WWW e o ensino de inglês. Revista brasileira de linguística aplicada, n.1, p. 93-116, 2001.

RODRIGUES, Jeanne; MUENCHOW, Nicole; RIBAS, Fernanda. A utilização de softwares para o ensino de inglês como L2: o Edilim como ferramenta para promover a aprendizagem na sala de aula invertida. VEREDAS ON-LINE – AS TECNOLOGIAS DIGITAIS NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUAS, n. 1, p.21– 39, 2017. < https://www.ufjf.br/revistaveredas/files/2017/09/ARTIGO-2.pdf > Data de acesso: 19/08/2020.

SCHLEPPEGRELL, Mary J.. “Challenges of the science register for ESL students: errors and meaning-making” Em SCHLEPPEGRELL, Mary J.; COLOMBI, M. Cecilia (Coord.), Developing advanced literacy in first and second languages, New York: Routledge, p. 119-142, 2002.

SCHLEPPEGRELL, Mary J.. The language of schooling: A functional linguistic perspective. New Jersey, Lawrence Erlbaum, 2004. 190 p.

SIEMENS, George. Connectivism: A learning theory for the digital age. ITDLL Journal, v. 01, p. 1-9, jan. 2005. Disponível em: < https://jotamac.typepad.com/jotamacs_weblog/files/Connectivism.pdf > Data de acesso: 19/08/2020.

SILVA, Ismael de Sousa da. O uso das TIC pelos professores e alunos Centro de Estudos Brasileiros (Asunción, Paraguay), dentro do contexto educativo e social como ferramentas complementares no processo ensino-aprendizagem de PLE. Revista Vozes dos Vales, UFVJM, n. 4, ano II, out. 2013. Disponível em: < http://site.ufvjm.edu.br/revistamultidisciplinar/files/2014/03/O-uso-das-TIC-pelos-professores-e-alunos-Centro-de-Estudos-Brasileiros-Asunción-Paraguay.pdf > Data de acesso: 19/08/2020.

STOREY, Valerie; WANG, Victor C. X. Critical Friends Protocol: Andragogy and Learning in a Graduate Classroom. Sage Journals, v. 28, issue: 3, p. 107-114, 2016. Disponível em: < https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.1177/1045159516674705 > Data de acesso: 19/08/2020.

TOUR, Ekaterina. Digital mindsets: Teachers' technology use in personal life and teaching. Language Learning & Technology, 19(3), p. 124–139, 2015, out. 2015. Disponível em: < https://www.lltjournal.org/item/2923 > Data de acesso: 19/08/2020.

TUMOLO, Celso. Recursos digitais e aprendizagem de inglês como língua estrangeira. Revista Ilha do Desterro, n. 66, p. 203-238, Florianópolis, jan/jun 2014. Disponível em: <https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2175-80262014000100203 > Data de acesso: 22/08/2020.

UNITED NATIONS EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION. Analytical Survey. Information and communication technologies in the teaching and learning of foreign languages and perspectives. UNESCO Institute For Information Technologies In Education, Moscow, 2004. Disponível em: < https://unesdoc.unesco.org/in/documentViewer.xhtml?v=2.1.196&id=p::usmarcdef_0000139195&file=/in/rest/annotationSVC/DownloadWatermarkedAttachment/attach_import_fe01f1bc-4667-42cc-a3ad-2a7335c96c3a%3F_%3D139195engo.pdf&locale=en&multi=true&ark=/ark:/48223/pf0000139195/PDF/139195engo.pdf#%5B%7B%22num%22%3A62%2C%22gen%22%3A0%7D%2C%7B%22name%22%3A%22XYZ%22%7D%2Cnull%2Cnull%2C0%5D > Data de acesso: 19/08/2020

Downloads

Publicado

2021-01-06