Inter-relação entre as narrativas midiática e literária

Márcia Beatriz Gabe

Resumo


O presente trabalho se propõe a analisar a inter-relação entre a narrativa midiática jornalística e a literária em uma reportagem específica, do jornalista Felipe Santana, intitulada Inflação no Brasil atinge ingredientes da feijoada, exibida pelo Fantástico, programa televisivo jornalístico, semanal, da empresa Rede Globo. Para tanto, inicialmente se realiza um apanhado teórico abordando o papel e a importância da narrativa na vida dos sujeitos. Ao abordar esse aspecto, são utilizados os estudos de Humberto Maturana (1998). A proposição de análise enfoca o texto verbalizado, apontando algumas semelhanças entre a estrutura textual e os jogos de linguagem presentes em ambas narrativas, bem como aborda algumas semelhanças e diferenças no que se refere à intencionalidade dessas narrativas. Para compor essa base teórica são utilizados os estudos de Bruno Souza Leal (2008), Luiz Gonzaga Motta (2005) e Gianteresio Vatimmo (1999). Por meio desse estudo se demonstra a estreita relação entre a narrativa midiática jornalística e a literária, conferindo ao tipo textual narrativo um importante papel, o de reflexão e de significação da existência individual e social dos sujeitos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/signo.v37i62.2889

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo