Jornalismo e literatura: narrativas reconfiguradas

Diana Azeredo, Rodrigo Bartz, Demétrio de Azeredo Soster

Resumo


RESUMO: O trabalho de pesquisa surge para observar as reconfigurações decorrentes da utilização, por parte do jornalismo, de recursos da narrativa de natureza literária. Essa imbricação, no contexto midiatizado, transforma tanto o que é da ordem do jornalismo como da literatura, em uma perspectiva dialogal. Atualmente, o objeto de estudo são as produções não-biográficas de Fernando Morais. Como metodologia, foi realizada uma revisão bibliográfica nas teorias do Jornalismo e da Narrativa. Além do estudo da midiatização do jornalismo, observou-se o estado da arte do jornalismo diversional e, por fim, como se estabelecem as intersecções entre o jornalismo e a literatura na obra de Fernando Morais. Como principais resultados até então, é possível citar os artigos apresentados em congressos locais, regionais e nacionais.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.