Determinantes das médias salariais dos trabalhadores da indústria de máquinas e implementos agrícolas no Noroeste do Rio Grande do Sul

Autores

  • Marguit Neumann Gonçalves Professora da Universidade Estadual de Maringá
  • Luiz Honorato da Silva Júnior FUP/CEAG/UNB

DOI:

https://doi.org/10.17058/redes.v21i1.3972

Palavras-chave:

Indústria. Setor rural. Educação. Dados de painel. Rio Grande do Sul.

Resumo

O objetivo deste trabalho é entender quais fatores socioeconômicos estão mais relacionados à formação dos salários médios dos trabalhadores da indústria de máquinas agrícolas no sul do Brasil. A amostra compreendeu 175 observações, referentes a 35 municípios, no período entre 2004 e 2008, e utilizou-se regressões em dados de painel com efeito fixo para a verificação dos efeitos. A educação média dos trabalhadores revelou-se a mais importante característica na elevação dos salários médios. Observou-se ainda que, aos 36 anos, tem-se a idade ótima para maximização salarial, e não se verificou discriminação de gênero. Por fim, o estudo corrobora com a literatura econômica trazendo evidências acerca da importância da educação na formação salarial dessa importante indústria brasileira.

Downloads

Publicado

2016-05-06

Edição

Seção

Artigos