A cultura da imagem e a inovação da linguagemestética da televisão

Eliziete dos Santos Padilha, Ana Paula da Rosa

Resumo


A popularização das imagens registradas por meio de dispositivos móveis como celulares e câmeras portáteis, torna cada vez mais comum a presença dessa marca midiática no discurso do telejornalismo. A explosão dos vídeos amadores estremeceu os padrões estéticos historicamente mantidos. Isto é, o domínio da técnica, antes restrita aos peritos, se consolida como novas práticas discursivas. Assim, a proposta desse artigo é compreender que imagens são essas que permitem a cogestão da informação.

Palavras-chave


Imagem amadora; jornalismo; televisão

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17058/rzm.v5i2.9298